VOLUME 35 - EDIÇÃO 108 Set/ Dez - 2018

Editorial
Artigo Original

2 - Noções de Conservação e de Reversibilidade Lógica em crianças com Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH)

Notions of Conservation and Logical Reversibility in children with Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD)

Caroline Benezath Rodrigues Bastos; Sávio Silveira de Queiroz

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):261-269

Resumo PDF Português

O objetivo desta pesquisa foi investigar as noções de conservação e de reversibilidade lógica em crianças com Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH). Participaram 14 crianças do sexo feminino diagnosticadas com TDAH, sendo sete com idades entre 7 e 8 anos e sete entre 10 e 11 anos. A pesquisa foi realizada em um hospital público da cidade de Vitória-ES e o instrumento utilizado foi a Prova Piagetiana de Conservação de Substância. Os dados foram coletados e analisados qualitativamente, a partir do Método Clínico Piagetiano. De acordo com Piaget, as noções de conservação de substância e de reversibilidade lógica são adquiridas por volta dos 7 anos de idade. Porém, os resultados desta pesquisa revelaram que a grande maioria das participantes, de ambas as faixas etárias, ainda não adquiriu tais noções, de forma que a etapa de transição para a aquisição das noções é a que contém o maior número de participantes. No entanto, comparando as faixas etárias, foi observado que na medida em que as crianças aumentam de idade, há também um progresso em direção à completude das noções de conservação e de reversibilidade lógica. Portanto, os resultados mostram a necessidade de promover essas noções em crianças com TDAH. Diante disso, propõem-se intervenções baseadas no incentivo das relações sociais de cooperação através do brincar e dos jogos com regras.

3 - Implicações de fatores atencionais no desempenho na leitura e escrita em escolares com fissura de lábio e palato

Implications of attention factors in the performance of reading and writing in schoolchildren with cleft lip and palate

Patrícia Soares Baltazar Bodoni; Maria de Lourdes Merighi Tabaquim

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):270-280

Resumo PDF Português

OBJETIVO: Identificar e comparar os níveis atencionais e os desempenhos na leitura e escrita de escolares com fissura labiopalatina.
MÉTODO: Participaram 60 crianças com fissura de lábio e palato isolada, idade entre 7 e 12 anos, ambos os gêneros. Foram utilizados os seguintes instrumentos: Matrizes Progressivas Coloridas de Raven, o Teste de Desempenho Escolar – TDE, e o Teste de Atenção Difusa – TEDIF. Na análise estatística utilizou-se o Fisher’s Exact Test e o Teste “T” de Student, com nível de significância de p<0,05.
RESULTADOS: Verificou-se que, do total de participantes, 81,66% apresentaram desempenho inferior na Leitura e 85% desempenho inferior na Escrita; com relação à avaliação da Inteligência Geral a maioria dos participantes (91,66%) apresentou Inteligência Fluida preservada. Quanto à avaliação do nível atencional, tiveram desempenho nos quatro tempos avaliados pelo TEDIF, predominantemente nas classificações média e inferior; o índice médio foi de 66,6% no primeiro tempo de aplicação; 65% no segundo; 58,33% no terceiro; e, 58,40% no quarto. Considerando o índice inferior, 20% dos participantes tiveram essa classificação no primeiro e segundo tempo, 26,66% no terceiro tempo e 35% no quarto tempo, evidenciando aumento progressivo de participantes com desempenhos inferiores e a consequente diminuição nos níveis médio e superior.
CONCLUSÃO: Os resultados obtidos de correlações positivas entre as variáveis foram sugestivos de que desempenhos atencionais prejudicados comprometem o desempenho em tarefas de leitura e escrita. No entanto, o estudo sinalizou para a necessidade de estender a investigação para as demais habilidades cognitivas, tendo em vista a complexidade da função atencional na manutenção de repertórios acadêmicos.

4 - Educação infantil e desempenho cognitivo e socioemocional

Early childhood education and cognitive and socio-emotional performance

Ágata Almeida; Ana Paula Prust; Grace Zauza; Leila Santos Batista; Alessandra Gotuzo Seabra; Natália Martins Dias

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):281-295

Resumo PDF Português

O estudo investigou a relação entre tempo de escolarização (em meses) e desempenho em medidas cognitivas e de habilidades socioemocionais. Participaram 125 crianças (M=5,57; DP=0,53), 55 de Pré-II e 70 de 1º ano de escolas públicas, avaliadas em raciocínio não verbal, vocabulário, atenção e funções executivas. Pais preencheram questionário de informações e o SDQ, utilizado como índice de habilidades socioemocionais. Houve grande variabilidade no tempo de escolarização. Houve efeito do nível escolar, porém não de variáveis socioeconômicas, sobre o desempenho das crianças. Apenas três correlações foram evidenciadas entre tempo de escolarização e desempenho, sendo que duas apontaram que crianças com maior tempo de escolarização possuem piores resultados. A qualidade da Educação Infantil é discutida como elemento explicativo destes achados, reforçando discussões atuais de que currículos escolares devem ser baseados em evidências científicas.

5 - Impacto do diagnóstico precoce e tardio da dislexia - compreendendo esse transtorno

Impact of early and late diagnosis of dyslexia - understanding this learning disorder

Patricia Cristina Pinto Carceres; Priscila Covre

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):296-305

Resumo PDF Português

A dislexia é um transtorno de aprendizagem que se manifesta na infância e persiste ao longo da vida. Em geral, o diagnóstico é feito nas séries iniciais do Ensino Fundamental, entretanto, muitos indivíduos com sintomas de dislexia não chegam a receber um diagnóstico ou são diagnosticados somente na vida adulta. O objetivo do presente estudo foi comparar o impacto da dislexia em indivíduos que receberam o diagnóstico em diferentes momentos da vida, na infância ou na vida adulta. Seis participantes, divididos em dois grupos, em função do momento do diagnóstico, responderam a uma entrevista estruturada a respeito da maneira como foram afetados pela dislexia e por seu diagnóstico. Os participantes dos dois grupos mencionaram dificuldades de leitura, baixa autoestima e uma sensação de alívio após receberem o diagnóstico, por compreenderem melhor suas dificuldades. Os participantes diagnosticados na vida adulta sofreram maior impacto da dislexia em suas vidas acadêmicas, com repetências e interrupção dos estudos. Já os participantes diagnosticados na infância, após receberem o diagnóstico, mencionaram que mudaram sua relação com a escola, que forneceu os suportes necessários durante a realização das provas. Os resultados desse estudo permitiram uma reflexão a respeito da importância do diagnóstico precoce da dislexia, que direciona as intervenções e a implementação de estratégias, apoios e recursos apropriados.

6 - Consciência fonológica e fatores associados em crianças no início da alfabetização

Phonological awareness in children at the beginning of literacy and associated factors

Rita de Cássia Duarte Leite; Larissa Regina Martins de Brito; Vanessa de Oliveira Martins-Reis; Ângela Maria Vieira Pinheiro

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):306-317

Resumo PDF Português

OBJETIVO: Comparar o desempenho entre consciência fonológica, inteligência (raciocínio analógico), vocabulário e aquisição dos fonemas.
MÉTODO: Uma amostra de 273 crianças (média de idade= 6 anos e 2 meses) de nove escolas estaduais de Belo Horizonte foi submetida a medidas de consciência fonológica, de inteligência, de vocabulário e de aquisição dos fonemas e foi dividida em dois grupos de acordo com seu desempenho nessas medidas, sendo dentro do esperado e não esperado para o desenvolvimento infantil.
RESULTADOS: Quando a inteligência foi tomada como referência, as crianças de nível médio a superior em comparação às de nível abaixo da média e muito abaixo da média (percentil igual ou inferior a cinco) obtiveram melhor desempenho nas tarefas de julgamento de rimas e de nível silábico (subtração e inversão), mas apenas em uma das tarefas de consciência fonêmica (inversão). Igualmente, o contraste entre desenvolvimento acima do esperado em vocabulário receptivo e desempenho abaixo do esperado mostrou diferenças entre grupos a favor do primeiro nas tarefas de julgamento de rimas e de nível silábico. Já no nível fonêmico essa diferença ocorreu na tarefa de subtração e no escore total das tarefas de consciência fonêmica. Porém, quando a aquisição dos fonemas foi tomada como referência, o contraste entre desenvolvimento típico e atípico mostrou que as crianças com desenvolvimento típico, com exceção em julgamento de rimas, se distinguiram dos seus pares. Além de apresentarem desempenho superior nas tarefas de consciência silábica, obtiveram desempenho igualmente superior em todas as tarefas de nível fonêmico (exceto na de segmentação).
CONCLUSÃO: Constatou-se que no desenvolvimento da CF no nível fonêmico a influência do vocabulário e, principalmente, da aquisição de fonemas foi maior do que a influência da inteligência. Isso demonstra a importância do desenvolvimento adequado da linguagem oral no início do processo de alfabetização.

Artigo de Revisão

7 - Habilidades metalinguísticas e funções executivas em crianças com dificuldades de aprendizagem: Uma metanálise

Metalinguistic skills and executive functions in children with learning difficulties: a meta-analysis

Tayna Andrade Gadelha; Monilly Ramos Araujo Melo; Ingrid Michélle de Souza Santos; Jessica Daniele Silva Moreira

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):318-328

Resumo PDF Português

Diante da problemática relacionada às dificuldades de aprendizagem, a literatura aponta para duas competências de fundamental importância, as funções executivas e as habilidades metalinguísticas. Desse modo, a partir de uma revisão sistemática da literatura com metanálise, objetivamos identificar quais destas competências se sobressaem no contexto das dificuldades de aprendizagem. Sendo assim, foi realizada uma busca por estudos nas bases de dados PEPSIC, SCIELO, CAPES e BVS-PSI entre os anos de 2003 a 2015. A busca resultou na identificação de 146 estudos, tendo sido incluídas, na análise, 24 pesquisas nacionais publicadas em português que abordavam as habilidades metalinguísticas e as funções executivas em crianças com dificuldades de aprendizagem. Empreenderam-se análises estatísticas descritivas e correlacionais a partir do Statistical Package for Social Sciences (SPSS). Os resultados revelaram que falhas nas funções executivas e habilidades metalinguísticas resultam em dificuldades no processo de aprendizagem de crianças e que dentro da temática habilidades metalinguísticas um componente se sobressai em relação à aprendizagem, sendo este a consciência fonológica. Na literatura não existe um consenso teórico acerca de qual elemento da tríade das funções executivas se sobressai, no entanto, partindo dessa revisão sistemática, o controle inibitório se destacou em relação às outras habilidades executivas. Conclui-se que, utilizando metanálise dos estudos, alcança-se um maior aprofundamento e objetividade acerca da temática.

Relato de Experiência

8 - Um olhar psicopedagógico sobre o processo ensino-aprendizagem no contexto hospitalar

A psychopedagogical look at the teaching-learning process in the hospital context

Karina Silva Smerdel; Camélia Santina Murgo

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):329-339

Resumo PDF Português

A psicopedagogia pode proporcionar uma aprendizagem significativa em ambientes diferentes do escolar, e exige a atuação de um profissional que realize um trabalho favorável ao desenvolvimento psíquico e cognitivo. Desta forma, o artigo apresenta um relato sobre a atuação do psicopedagogo no contexto hospitalar enquanto membro da equipe multidisciplinar do hospital. A partir da reflexão teórica e prática foi analisado o atendimento psicopedagógico realizado na Pediatria de um hospital. Os encontros foram divididos em 10 sessões semanais de intervenções baseadas em atividades individuais e em leito hospitalar e 10 sessões semanais de intervenções grupais realizadas na brinquedoteca com atividades lúdicas. Assim, foi possível verificar a importância da intervenção psicopedagógica para o aprender e a qualidade de vida de crianças e adolescentes em idade escolar no processo de hospitalização.

Artigo Especial

9 - Programas para o desenvolvimento de habilidades cognitivas e linguísticas envolvidas na alfabetização e no aprendizado da ortografia: propostas metodológicas

Programs for the development of cognitive and linguistic skills involved in literacy and spelling: methodological proposal

Jaime Zorzi

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):340-347

Resumo PDF Português

Considerando que vivemos um momento crucial para reflexões a respeito do processo de ensino e aprendizagem, este artigo apresenta três propostas metodológicas, de aplicação prática, que têm por objetivo desenvolver competências e habilidades fundamentais para a aprendizagem da leitura e da escrita e que, de modo geral, contemplam as habilidades/ capacidades definidas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Mais especificamente, os programas estão voltados para a alfabetização, entendida como processo de codificação e decodificação, e para o ensino subsequente da ortografia. Tais programas foram criados para aplicação em vários níveis na educação regular (ensino infantil e ensino fundamental - séries iniciais e séries mais avançadas), assim como foram planejados para uso clínico, na forma de material de apoio para os profissionais que atuam na área dos transtornos de aprendizagem.

10 - Discalculia del desarrollo (DD)

Discalculia del desarrollo (DD)

Dyscalculia of development (DD)

Sandra Torresi

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):348-356

Resumo PDF Español

Es relativamente reciente el interés por parte del ámbito científico con respecto al estudio de la cognición numérica. En la actualidad, los hallazgos provenientes de la neurociencia cognitiva y la psicología cognitiva se consideran aportes muy significativos para comprender el desarrollo de la competencia numérica y sus dificultades y a partir de esta evidencia científica, reducir la incertidumbre teórica en el diseño de estrategias de intervención psicopedagógicas y pedagógicas.

Ponto de Vista

11 - O “problema” dos problemas de aprendizagem

The “problem” of learning problems

Eveline Tonelotto Barbosa Pott

Rev. Psicopedagogia 2018;35(108):357-361

Resumo PDF Português

Este artigo tem como objetivo apresentar algumas reflexões teóricas sobre os chamados problemas de aprendizagem, tema este cada vez mais frequente no contexto escolar. As reflexões apresentadas apoiam-se nos pressupostos teóricos da Psicologia Histórico-Cultural, apresentando uma análise crítica sobre a presente temática. Como resultados, o artigo busca demostrar a necessidade de ressignificar o conceito de aprendizagem, assim como as dificuldades que permeiam este processo, compreendendo o desenvolvimento humano não pela deficiência/falta, mas sim pela sua potência.