VOLUME 24 - EDIÇÃO 75 Set/ Dez - 2007

Editorial
Artigo Original

2 - Caracterização do desempenho de crianças com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) em provas operatórias: estudos de casos

Characterization of the performance of children with attention deficit hyperactivity disorder (ADHD) in operational tests: case studies

Lúcia Galvão do Amaral Campos; Tamara Beres Lederer Goldberg; Simone Aparecida Capellini; Niura Aparecida de Moura Ribeiro Padula

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):218-228

Resumo PDF Português

Este trabalho teve por objetivo caracterizar o desempenho de crianças com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade em provas operatórias. Participaram deste estudo seis crianças, de ambos os gêneros e com faixa etária entre 8 e 12 anos de idade, cursando Ensino Fundamental, com diagnóstico interdisciplinar de Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). Foram aplicadas duas provas operatórias: Conservação de Quantidades Contínuas e Descontínuas do exame clínico de Piaget, utilizando-se, no mínimo, de quatro sessões. A análise foi baseada nas respostas e justificativas emitidas pelos pacientes. Todos os pacientes forneceram, em grande parte, respostas não-conservadoras e foram classificados na fase pré-operatória do desenvolvimento. Os resultados sugerem que as provas operatórias possibilitaram a análise das estruturas cognitivas. A aplicação das provas e a análise das respostas permitiram estabelecer, nas crianças avaliadas, o nível de desenvolvimento das estruturas cognitivas, lógica de conservação de quantidades, não só aproximando a visão da equipe profissional para a causa da dificuldade do raciocínio lógico daqueles pacientes, mas também favorecendo a investigação problemática e a escolha da conduta. Ademais, não se verificou comprometimento da estruturação cognitiva. As provas mostraram, ainda, ser um instrumento de avaliação que contribuiu não apenas para o diagnóstico, mas ainda como ferramenta auxiliar ao profissional que se proponha a acompanhar crianças com TDAH.

3 - Distúrbios de aprendizagem na visão do professor

Learning disturbances in the teacher vision

Fabrícia Bignotto de Carvalho; Patrícia Abreu Pinheiro Crenitte; Sylvia Maria Ciasca

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):229-239

Resumo PDF Português

INTRODUÇÃO: A educação, atualmente, percorre grandes e variadas discussões, e, o fracasso escolar é uma realidade visível. Pesquisas confirmam o fracasso escolar como um desafio a ser vencido. O presente estudo propõe identificar o saber daquele que atua diretamente com o aluno, o professor, por considerá-lo um personagem importante no diagnóstico de alunos com distúrbios de aprendizagem, pois, muitas vezes, crianças com essa problemática recebem estigmas ou atitudes equivocadas referentes às suas ações na sala de aula.
OBJETIVO: Verificar o conhecimento do professor quanto aos distúrbios de aprendizagem.
MÉTODO: Para atender o objetivo, foi aplicado um questionário aos professores da rede pública de ensino. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente e postos em discussão.
RESULTADOS: Os resultados apontaram para o desconhecimento do professor quanto à diferença entre distúrbios de aprendizagem e dificuldade de aprendizagem.
CONCLUSÃO: Os achados deste estudo nos fazem pensar que o professor precisa rever seus métodos de ensino, seus conhecimentos práticos e teóricos e ir à busca do conhecimento.

4 - O software educativo no processo de ensino-aprendizagem: um estudo de opinião de alunos de uma quarta série do ensino fundamental

Educational software in the teaching-learning process: an opinion research of a 4th grade primary school students

Cristiane Scattone; Elcie F. S. Masini

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):240-250

Resumo PDF Português

Esta pesquisa refere-se à opinião de alguns educandos sobre os softwares educativos em seu próprio processo de aprendizagem. Este trabalho surgiu do atendimento psicopedagógico, em consultório, a aprendizes que, por diversos motivos, apresentavam resistência a aprender. Esta investigação coletou dados de alunos de uma classe da quarta série do ensino fundamental, por meio de questionário. Para apreciação objetiva, foi realizada uma análise percentual das respostas fechadas e uma análise qualitativa das respostas abertas, buscando-se assim compreender a contribuição dos softwares educativos na aprendizagem. Constatou-se que os softwares educativos desafiaram e aguçaram a curiosidade dos educandos e que, com a utilização deste recurso, o fato de errar não inibiu os educandos e até favoreceu o processo de ensino-aprendizagem. A análise evidenciou que o uso desse recurso despertou o interesse e a motivação dos educandos pela aprendizagem. Frente a isso, cabe enfatizar a importância dos softwares educativos para o enriquecimento do processo de ensino-aprendizagem.

Artigo Especial

5 - O atendimento psicopedagógico num enfoque sistêmico

Widening the psychopedagogist background

Mônica Hoehne Mendes

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):251-259

Resumo PDF Português

O artigo propõe-se a analisar a importância da formação do terapeuta psicopedagogo e, mais do que isto, que ele o faça de forma ininterrupta, pois é fundamental que este profissional mantenha-se continuamente buscando o aprofundamento da compreensão dos fenômenos com os quais interage. Na seqüência do artigo, há o destaque às diferentes etapas de um atendimento psicopedagógico, o que é determinado pelo grau de envolvimento entre o sujeito com sintoma no processo de aprendizagem e sua família, com o terapeuta psicopedagogo. Ao final, há o relato de um caso atendido na clínica psicopedagógica.

6 - (A)cerca do aprender e do ensinar: fios, teias e redes como metáforas em subjetividade, aprendizagem e Psicopedagogia

(A) about the learning and teaching: wires, webs and networks as metaphors in subjectivity, learning and Psychopedagogy

João Beauclair

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):260-271

Resumo PDF Português

Compreender os processos de formação a partir do uso de metáforas é uma proposta de construção textual oriunda de minha prática como pesquisador e docente em cursos de pós-graduação em diferentes instituições de ensino no Brasil. As metáforas servem como parâmetros à continuada formação em Educação e Psicopedagogia; compreendendo-as como áreas de atuação e campos de conhecimento que devem privilegiar a interdisciplinaridade, visando a transdisciplinaridade e as temáticas voltadas à compreensão da subjetividade humana.

7 - A primeira década da Psicopedagogia no Distrito Federal e a Educação

The first decade of the Psychopedagogy in the Federal District and the Education

Maria Therezinha de Lima Monteiro; Eline Lima Azevedo; Mariângela Gonçalves; Marlene Brito; Maria Augusta Chagas; Cláudia Dantas

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):272-284

Resumo PDF Português

A Associação Brasileira de Psicopedagogia-Seção Brasília completa mais de dez anos de atuação na capital federal, realizando encontros, congressos nacionais e internacionais, seminários e atividades junto à Secretaria de Estado da Educação do Distrito Federal. Como precursora e primeira presidente da ABPp-Seção Brasília, juntamente com membros da atual diretoria, decidiu-se apresentar os resultados desses trabalhos e seu impacto na educação. O estudo focalizou a atuação dos psicopedagogos nas escolas pública e particular, bem como em outras instituições, como clínicas, hospitais, ONGs, etc. Com uma amostragem de 240 especialistas na área, aleatoriamente extraída de uma população de 600 psicopedagogos, procurou-se avaliar as técnicas de intervenção psicopedagógica nos parâmetros da linha de trabalho adotada, os resultados obtidos e realização profissional. A satisfação na situação de trabalho, as dificuldades enfrentadas e o grau de preparo oferecido pelos cursos de especialização "lato sensu" foram também focalizados. O impacto da psicopedagogia na educação na capital federal está refletido, essencialmente, nos trabalhos da Equipe de Avaliação e Apoio da Secretaria de Estado da Educação do Distrito Federal.

Artigo de Revisão

8 - Percursos históricos da pedagogia e a sociedade da informação

Historical courses of pedagogy and the information society

Paulo Sergio Marchelli; Carmen Lúcia Dias

Rev. Psicopedagogia 2007;24(75):285-297

Resumo PDF Português

Este artigo tem por objetivo apresentar e discutir algumas das causas que tiveram como efeito a pedagogia produzida nos dias de hoje, remontando ao século XIX a origem das idéias que levaram ao desenvolvimento do self-government e do trabalho em grupo, métodos situados na base do movimento escolanovista surgido no século XX, que deu à reflexão sobre a criança e a escola seu caráter instrumentalista atual. Os autores se valem das literaturas de época e de trabalhos contemporâneos para mostrar que os estudos no campo pedagógico não podem prescindir das explicações sobre as teorias e as práticas escolares do passado, sendo essa uma condição necessária para a compreensão do que está sendo realizado no presente.

Ponto de Vista