VOLUME 26 - EDIÇÃO 81 Set/ Dez - 2009

Editorial
Artigo Especial

2 - Dislexia, cognição e aprendizagem: uma abordagem neuropsicológica das dificuldades de aprendizagem da leitura

Dyslexia, cognition and learning: a lurian neuropsychological approach to dyslexia

Vitor da Fonseca

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):339-356

Resumo PDF Português

O autor introduz a dislexia, definindo-a como dificuldade de aprendizagem específica, diferenciando-a, consequentemente, de uma dificuldade de aprendizagem global, partindo da noção que tal dificuldade invulgar revela uma discrepância do potencial intelectual, e não uma incapacidade, devendo ser definida com base num quociente intelectual, igual ou superior a 80, excluindo-a claramente, de qualquer categorização taxonômica do domínio da deficiência ou das dificuldades desenvolvimentais e intelectuais. A dificuldade de aprendizagem da leitura é apresentada como uma disontogênese do processo contínuo do desenvolvimento da linguagem, abarcando a duplicação das funções da linguagem falada (1º sistema simbólico) na linguagem escrita (2º sistema simbólico). Partindo de uma perspectiva de comorbidade, a dislexia é encarada como uma dificuldade que pode apresentar vários problemas de extração, captação e processamento de informação simbólica, subentendendo uma multiplicidade de competências cognitivas, que compreendem os sistemas funcionais propostos pelo neuropsicólogo russo A. R. Luria. Introduzindo os sistemas funcionais lurianos, a aprendizagem da leitura é equacionada como resultando do funcionamento sistêmico, ontogenético, concatenado e integrado das três unidades funcionais, a saber: a 1ª unidade de atenção e integração dos optemas; a 2ª unidade de processamento simultâneo e sucessivo ou sequencial e conversão dos optemas em fonemas e concomitantes redes semânticas e compreensíveis, e finalmente, a 3ª unidade de planificação, execução e de autorregulação, onde se opera a rechamada, o controle e a expressão dos articulemas. O autor sugere, com base no modelo de Luria, que a avaliação dinâmica do potencial de aprendizagem da criança seja equacionado a partir do perfil de áreas fortes e fracas revelado nas três unidades funcionais indicadas, perfil esse que deve ser tomado em linha de conta, para posteriormente desenvolver estratégias de intervenção psicopedagógicas individualizadas para cada caso.

3 - Pedagogia da autoria: a construção do processo de autoria na formação de pedagogos

Pedagogy of authorship: the construction of the authorship process in teacher training

Rossana Aparecida Vieira Maia Angelini

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):357-366

Resumo PDF Português

O objetivo desse trabalho é apresentar a importância do processo de autoria no curso de Pedagogia, por meio da criação de livros infanto-juvenis. Olhamos para o futuro professor como um sujeito ativo-interativo na construção do conhecimento. Vemos no processo da criação a possibilidade de despertar a necessidade de o futuro professor sair do lugar comum, para um fazer pedagógico reflexivo. Compreendemos, também, que, por meio da criatividade e da autoria, a construção dos processos de leitura e de escrita possa ser trabalhada de forma prazerosa e significativa junto ao aluno. Propomos uma pedagogia da autoria, no sentido de trabalhar a formação docente, de forma crítica e criativa, a fim de que os futuros docentes possam desenvolver a autonomia de pensamento e a autoria de seus futuros alunos.

Artigo Original

4 - Protocolo de identificação precoce dos problemas de leitura: estudo preliminar com escolares de 1º ano escolar

Early identification of reading problems: preliminary study with students of 1st grade

Simone Aparecida Capellini; Maria Nobre Sampaio; Maryse Tomoko Matsuzawa Fukuda; Adriana Marques de Oliveira; Cíntia Cristina Fadini; Maíra Anelli Martins

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):367-375

Resumo PDF Português

OBJETIVOS: Elaborar teste de identificação precoce dos problemas de leitura e caracterizar o desempenho dos escolares do 1º ano no procedimento elaborado.
MÉTODO: Participaram deste estudo 83 alunos de 6 a 7 anos e 11 meses de idade do 1º ano do Ensino Fundamental Municipal na cidade de Marília-SP Foi elaborado Protocolo de identificação precoce dos problemas de leitura, composto por sete habilidades cognitivo-linguísticas: conhecimento do alfabeto; consciência fonológica; memória de trabalho; nomeação automática rápida; atenção visual; leitura de palavras e não palavras e compreensão de frases a partir de figuras.
RESULTADOS: Os resultados revelaram diferenças estatisticamente significantes, evidenciando que todos os escolares apresentaram desempenho obtido inferior ao desempenho esperado para as habilidades propostas no protocolo.
CONCLUSÃO: Escolares do 1º ano do ensino fundamental avaliados neste estudo apresentaram desempenho inferior em habilidades que são consideradas na literatura nacional e internacional como preditoras para a alfabetização, o que demonstra que não apresentam domínio de habilidades cognitivo-linguísticas necessárias para aprender o sistema de escrita do português brasileiro.

5 - A inclusão do aluno com perda auditiva na rede municipal de ensino da cidade de Marília

Inclusion of students with hearing loss in the Municipal Schools in the city of Marília

Marília Piazzi Seno

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):376-387

Resumo PDF Português

INTRODUÇÃO: Atualmente a inclusão é um assunto bastante debatido e controverso. Ao mesmo tempo em que é imposta pelo sistema educacional, este não oferece a mínima estrutura para que esse processo seja realmente efetivo. Vivenciando esse desencontro estão os educadores e os alunos com necessidades educacionais especiais. Estes sendo atendidos improvisadamente e aqueles precisando buscar por si só resoluções para as dificuldades encontradas durante o percurso.
MÉTODO: O objetivo deste trabalho foi pesquisar o conhecimento de 34 professores da Rede Municipal de Ensino do Município de Marília que lecionam para alunos com perda auditiva, por meio da aplicação de questionário que pesquisou dados como os sentimentos do docente ao receber a notícia que terá um aluno deficiente auditivo / surdo incluído, informações prévias que retêm sobre a deficiência, o desenvolvimento individual da criança, os recursos tecnológicos disponíveis, o domínio da Língua Brasileira de Sinais e a importância de obter informações sobre as questões específicas inerentes à perda de audição.
RESULTADOS: Após a análise dos dados foi possível comprovarmos a necessidade e a importância do apoio especializado para a atuação do professor, que na maioria das vezes desconhece informações básicas que podem ser consideradas fundamentais para o bom desenvolvimento do aluno.

6 - Inventário das brincadeiras e jogos de crianças em diferentes municípios do estado do Espírito Santo

Inventory of plays and games of children in different districts of the State of Espirito Santo

Claudia Broetto Rossetti; Taísa Rodrigues Smarssaro; Tatiana Lecco Pessotti

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):388-395

Resumo PDF Português

INTRODUÇÃO: Legítimos depositários da cultura de transmissão oral infantil, as brincadeiras e os jogos têm despertado o interesse de muitos pesquisadores no Brasil e no mundo. Assim, objetiva-se investigar o panorama atual da prática de jogos e brincadeiras em diferentes municípios do estado do Espírito Santo.
MÉTODO: Foram realizadas 205 observações de atividades lúdicas de crianças com idades aproximadas entre sete e 12 anos, sendo 105 no interior do estado e 100 na Grande Vitória. Além disso, uma parte dessas mesmas crianças respondeu a uma entrevista sobre preferências e práticas lúdicas, perfazendo um total de 20 entrevistas na Grande Vitória e 31 no interior do estado. Os participantes foram observados e entrevistados enquanto brincavam e jogam em locais como ruas, escolas, praças públicas, parques, praias e casas. As brincadeiras e os jogos foram fotografados com o fim de registro dos mesmos.
RESULTADOS: Os jogos e brincadeiras mais observados tanto na Grande Vitória quanto no interior foram as modalidades de futebol. Do total de participantes das entrevistas, 27 eram meninos e 24, meninas. O futebol aparece como atividade lúdica preferida de 66,7% dos meninos, enquanto a boneca foi mencionada por 25% das meninas. O pique foi preferido como brincadeira de ambos os sexos.
CONCLUSÃO: Observou-se uma coexistência bastante frequente entre as brincadeiras e jogos tradicionais e diversas atividades lúdicas que envolvem o uso de novas tecnologias, como os computadores, o que parece contribuir para desmistificar a ideia vigente de que as crianças de hoje não praticam mais brincadeiras e jogos tradicionais como as de antigamente.

7 - Eficácia do programa de intervenção com a consciência fonológica em escolares com risco para a dislexia

Efficacy of phonological awareness intervention in students at risk for dyslexia

Regiane Kobal de Oliveira Alves Cardoso; Simone Aparecida Capellini

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):396-407

Resumo PDF Português

OBJETIVO: Este estudo teve por objetivo verificar a eficácia de um programa de intervenção com a consciência fonológica em escolares com risco para a dislexia.
MÉTODO: Participaram deste estudo 27 escolares de 1ª série do ensino público municipal da cidade de Marília-SP, de ambos os gêneros, na faixa etária de 7 anos a 7 anos e 11 meses. Em situação de pré e pós-testagem, todos os escolares foram submetidos ao Teste de identificação precoce dos problemas de leitura. Os escolares que apresentaram desempenho inferior a 51% no Teste de identificação precoce dos problemas de leitura foram submetidos à intervenção na consciência fonológica com base nas provas do CONFIAS. Dessa forma, os escolares foram divididos em: GI: composto por 17 escolares não submetidos ao programa de intervenção e GII: composto por 10 escolares submetidos ao programa de intervenção.
RESULTADOS: O GI apresentou diferença estatisticamente significante nos subtestes de produção de rima, segmentação fonêmica e leitura de palavras, enquanto o GII apresentou diferença estatisticamente significante nos subtestes de produção de rima, segmentação fonêmica e leitura de palavras.
CONCLUSÃO: O Teste de identificação precoce dos problemas de leitura elaborado para este estudo demonstrou-se efetivo para a verificação dos sinais da dislexia em escolares, e a realização do programa de intervenção na consciência fonológica foi eficaz para os escolares com sinais da dislexia. Isso se comprovou pela melhora das habilidades cognitivo-linguísticas em situação de pós-testagem em comparação à pré-testagem.

8 - Avaliação assistida em crianças com hipotiroidismo congênito

Assisted assessment in children with congenital hypothyroidism

Anelise Caldonazzo; Paula Fernandes; Tatiana de Sá Riech; Carolina Santos; Maura Mikie Fukujima Goto; Maria Tereza Baptista; Gil Guerra Jr.; Sofia Lemos-Marini; Lília D'Souza-Li

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):408-414

Resumo PDF Português

O objetivo deste estudo foi avaliar o funcionamento executivo das crianças com diagnóstico de hipotiroidismo congênito por meio da avaliação dinâmica utilizando a resolução de problemas. Os resultados revelaram dificuldade em integrar, categorizar e estabelecer a representação das relações entre os elementos do problema. Os dados foram coletados por meio de avaliação assistida. Dessa forma, conclui-se que há necessidade de mudança na proposta escolar para que a criança com hipotiroidismo congênito tenha efetividade no rendimento acadêmico.

9 - Instituições privadas de ensino: considerações para o processo de inclusão

Private school institutions: considerations regarding school inclusion process

Claudia Gomes; Vera Lucia Trevisan de Souza

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):415-424

Resumo PDF Português

INTRODUÇÃO: O acesso de todos à Educação é um dos processos efetivos para o amplo movimento de inclusão social, no entanto, a contradição decorrente do embate entre o legalmente imposto e divulgado e o realmente possível delimita e amordaça as propostas de inclusão escolar.
MÉTODO: Assim, com o objetivo de explorar os aspectos organizacionais, institucionais e relacionais que sustentam as dinâmicas escolares inclusivas dentro de uma escola particular, este estudo delineado por um paradigma qualitativo de pesquisa contou com a participação de três professoras, sendo uma delas regente do ciclo de Educação Infantil, e duas docentes na 2ª série do Ensino Fundamental, de uma instituição particular da região do ABCD/SP. Como recursos priorizaram-se as observações e os sistemas conversacionais realizados e mantidos na instituição durante os sete meses de acompanhamento diário da pesquisadora à instituição.
RESULTADOS: As informações obtidas e analisadas qualitativamente puderam ser organizadas nos núcleos intitulados: 1) distanciamento de quem pensa e quem executa as ações pedagógicas; 2) realidades vividas em sala de aula.
CONCLUSÃO: Com as discussões dos indicadores construídos e sintetizados pelos núcleos de análise, pôde-se concluir que a proposta de inclusão exige mudanças na estruturação dos processos organizacionais, institucionais e pedagógicos nas escolas, indicando que o sucesso do processo de inclusão escolar depende do desenvolvimento de uma nova cultura organizacional, que possibilite espaços democráticos e criativos aos professores, na construção de ações pedagógicas e relacionais com enfoque na compreensão das diversidades e respeito de suas próprias diferenças e de seus alunos.

Relato de Experiência

10 - A escola contemporânea diante do fracasso escolar

The contemporary school concerning the school failure

Marilene Gonzaga Gomes Travi; Lisiane Machado de Oliveira-Menegotto; Geraldine Alves dos Santos

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):425-434

Resumo PDF Português

A escola contemporânea encontra-se diante de transformações constantes da sociedade. Esta situação obriga que a escola se posicione no sentido de modificar os paradigmas das concepções de ensino-aprendizagem, uma vez que o fracasso escolar se impõe de maneira acentuada na atualidade. O presente artigo objetivou discutir os desafios da escola contemporânea diante dos problemas de aprendizagem e da inclusão, utilizando-se de uma vinheta de caso clínico de um adolescente com representativos problemas de aprendizagem. O caso ilustra o fracasso escolar como produto de uma complexidade de fatores, exigindo um olhar amplo e integrado, a partir de uma interface entre o trabalho clínico, educacional e a família. Retrata uma experiência de inclusão exitosa, a partir de um trabalho de cunho interdisciplinar entre a Psicopedagogia, a Psicanálise e a Pedagogia. A escola como possível (re)produtora do fracasso escolar é objeto de discussão no presente artigo.

Ponto de Vista

11 - O laço social e a aprendizagem: algumas breves considerações

The social bond and the learning: some brief thoughts

Morgana Martins Grudzinski

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):435-440

Resumo PDF Português

Este artigo visa algumas proposições acerca da Psicanálise e da Educação, a luz de conceitos como laço social e laço parental e o papel do Outro de Lacan, que constituem a base da subjetivação do indivíduo. A estrutura social da escola promove o conhecimento, mas a família é a responsável pela consolidação dos laços que possibilitam à criança se tornar desejante do saber e do conhecimento. As funções materna e paterna, ligadas à importância do Outro na constituição do sujeito, mostram àqueles educadores interessados na fundamentação psicanalítica um estudo de caso em que sujeito e desejo estão em embaraço, causando o não aprender nas séries iniciais da alfabetização.

Artigo de Revisão

12 - Aspectos psiquiátricos da criança escolar

Psychiatric aspects of the student child

Francisco B. Assumpção Jr.

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):441-457

Resumo PDF Português

Realizar revisão da literatura acerca da Psicopatologia na infância e na adolescência, visando à apresentação da relação com as dificuldades escolares e os diferentes fatores que nela interferem. São necessários outros estudos para que se busquem estratégias adequadas.

13 - Estimulação do desenvolvimento de competências funcionais hemisféricas em escolares com dificuldades de atenção: uma perspectiva neuropsicopedagógica

Development stimulation of hemispherical functional skills in students with attention difficulties: a neuropsychopedagogic perspective

Rosângela Rabello Carneiro; Fabrício Bruno Cardoso

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):458-469

Resumo PDF Português

OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi investigar comportamentos de atenção por meio de avaliação motora, cognitiva e da preferência hemisférica de 10 escolares, entre 7 e 8 anos de idade, e possíveis modificações em comportamento de atenção no desempenho motriz e cognitivo, por meio de atividades lúdicas, estimulando o desenvolvimento das competências funcionais cerebrais, considerando a dinâmica da hemisfericidade.
MÉTODO: Para a consecução de tal objetivo, utilizou-se como estratégia metodológica entrevistas com os alunos, responsáveis e profissionais da escola, uma avaliação psicomotora (conduta e comportamento motor), cognitiva (Teste de Prontidão para Leitura TPL - CEPA), Teste de CLEM e Coleta de registro de ondas cerebrais da linha de base EEG (pontos C3 e C4), e sessões de intervenção neuropsicopedagógica.
RESULTADOS: Constatou-se que algumas características marcantes referentes à hemisfericidade interferem diretamente, em diversas formas, no processo de aprendizagem. Como os dois hemisférios são especializados em diferentes modos de pensamento, presume-se aqui que esta utilização diferenciada reflete um "estilo cognitivo", com preferências pessoais na solução de problemas.
CONCLUSÃO: Visto que a hemisfericidade não interfere apenas nos processos atencionais e de percepção, mas em todas as dimensões intelectuais e de personalidade, se propõe, então, uma reflexão na condução do formato didático deste processo, em especial nos períodos iniciais de escolarização.

14 - Conhecendo a dislexia e a importância da equipe interdisciplinar no processo de diagnóstico

Exploring dyslexia and the importance of interdisciplinary team process diagnostic

Sther Soares Lopes da Silva

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):470-475

Resumo PDF Português

Dislexia é uma dificuldade de aprendizagem caracterizada por problema na linguagem receptiva e expressiva, oral ou escrita. Os fonoaudiólogos, por seus conhecimentos e sua formação sobre linguagem e distúrbios de linguagem, estão cada vez mais envolvidos na identificação, na avaliação e no tratamento de indivíduos com distúrbios de leitura. O objetivo deste estudo consiste em descrever a dislexia e suas manifestações para o correto tratamento, minimizando, assim, os impactos emocionais e comportamentais para a criança. Com a realização desta pesquisa, verificou-se que existe a necessidade de mais pesquisas sobre o assunto e, principalmente, que os profissionais tanto da educação quanto da área da saúde entendam que o processo diagnóstico e intervenção é realizado por uma equipe interdisciplinar, dentre eles o fonoaudiólogo, por seu conhecimento na área de linguagem oral, leitura/escrita.

15 - Dislexia e estresse: implicações neuropsicológicas e psicopedagógicas

Dyslexia and stress: neuropsychological and psychopedagogical implications

Maria Arminda S. Tutti Cabussú

Rev. Psicopedagogia 2009;26(81):476-485

Resumo PDF Português

Este artigo tem como objetivo principal relacionar dislexia e estresse e suas implicações neuropsicológicas e psicopedagógicas. Para tanto, será realizada uma revisão bibliográfica nos conceitos de dislexia, estresse, neuropsicologia e psicopedagogia. Em seguida, far-se-á uma discussão dos temas, buscando um novo olhar sobre o tratamento das crianças com dislexia, ressaltando como fatores estressantes e emocionais interferem nos tratamentos realizados e no processo acadêmico.

Resenha